Search
Close this search box.
Toque de nostalgia: as particularidades da decoração vintage

Toque de nostalgia: as particularidades da decoração vintage

Com um apelo à nostalgia, a decoração vintage é aquela que recorre a elementos do passado (e que, às vezes, você já tem). E cada peça pode ter uma narrativa a contar!

Seja pelos tons suaves ou pelos objetos que contam com uma elegância atemporal, os ambientes de uma residência que utilizam esse estilo ganham uma singularidade e exclusividade. 

E mais do que uma estética, esse tipo de decoração é um elo entre o passado e o presente, e você pode reutilizar peças que já tem para transformar o ambiente! 

Para ajudar você a conhecer mais sobre a decoração vintage, o blog da Menin preparou um texto completo – e deixou dicas ao final para você apostar nesse estilo. Vamos nessa?

O que é a decoração vintage?

Basicamente, a decoração vintage resgata objetos e cores que nos marcaram de uma forma especial e que despertam memórias, compreendendo os períodos de 1920  até 1960. 

Nos projetos arquitetônicos, ela é comumente observada em móveis e objetos decorativos antigos ou apenas restaurados que compõem diversos ambientes sem perder sua essência original.

Nesse estilo, é bastante comum que os móveis sejam recuperados ou restaurados. E a maioria das peças são trabalhadas no seu material de origem, como a madeira, o ferro e pinturas com mais textura, por exemplo. 

De acordo com Aiê Tombolato, à frente do escritório que leva seu nome: “Todos os elementos [que] remetem à natureza […] compõe perfeitamente [o estilo], com cores como verde, terracota e os crus naturais”. 

Detalhes fazem a diferença na decoração vintage

Esse estilo pode ser trabalhado por meio de pequenos detalhes: desde relógios até mesas e poltronas que compõem um décor.

Caso o móvel seja antigo e remeta à alguma história da família, a decoração vintage fica ainda mais completa e característica.

Ainda, vale destacar que grande parte do mobiliário vintage é feito à mão, e esse cuidado proporciona mais qualidade e acabamento. A durabilidade, que é maior em relação aos móveis produzidos em massa, também é um diferencial. 

Aiê Tombolato indica os papéis de parede, os quais foram muito populares na década de 1950. De acordo com ela, vale apostar nas estampas florais ou em tons pastel.

Além de composições de padrões de florais, o mix de estampas, as listras e o xadrez também são característicos desse estilo de decoração.

Crescente da tendência vintage 

Devido à pandemia de Covid-19, o estilo vintage ganhou um fôlego especial, principalmente por conta do seu apelo nostálgico. Como as pessoas revisitaram o passado com mais frequência, esse tipo de decoração foi uma maneira de se apegar às lembranças.

No entanto, ele permaneceu firme em 2023 – e deve continuar em alta pelos próximos anos. Segundo a arquiteta Aiê Tombolato: “Mais do que uma tendência para 2023, o vintage é um conceito que vem ganhando força, espaço e compreensão ao longo dos anos e, na minha opinião, vai seguir crescendo e ganhando mais lugar na decoração”. 

A especialista explica que os motivos para essa ascensão são muitos e variam de consciência ambiental até memória afetiva a uma certa sensação de nostalgia de tempos mais simples, em que as pessoas se sentiam mais acolhidas. 

Quais são as características da decoração vintage?

Algumas das principais particularidades desse modelo de décor incluem:

  • Peças autênticas de época: móveis, acessórios e objetos de decoração originais das décadas de 1920 a 1960 são essenciais para criar um ambiente vintage genuíno;
  • Variedade de estilos: como esse modelo de décor abrange várias décadas, é comum notar uma mistura de estilos, como o glamour dos anos 1920 ou o móvel design dos anos 1950;
  • Padrões e estampas clássicas: estampas florais, geométricas, xadrez, listras e padrões psicodélicos são comuns em tecidos de cortinas, almofadas e estofados;
  • Cores suaves: cores em tons mais neutros, tons pastel ou até mesmo tons desbotados são frequentemente usados na paleta desse estilo;
  • Texturas e materiais específicos: madeira escura, latão, cobre, ferro, vidro fosco e cerâmica são materiais comuns da decoração vintage.
  • Ornamentos delicados: os móveis têm detalhes singulares, como curvas singelas, que dão elegância às peças;
  • Móveis escuros e detalhes barrocos: como os anos de 1920 e 1930 foram marcados por esses elementos, eles aparecem bastante no modelo vintage;
  • Reutilização: a reutilização de móveis e acessórios antigos é comum no estilo vintage, às vezes, com pequenas modificações para combinar com o estilo contemporâneo;
O que é a decoração vintage?

Como usar a decoração vintage?

Se você quer apostar na decoração vintage, pode começar resgatando peças antigas que estão “abandonadas”. Elas podem ser revitalizadas e ganhar um espaço especial em um ambiente. 

Um exemplo é uma máquina de escrever que está parada. Ela pode dar um charme especial no seu escritório.

Outro caso são as vitrolas, que podem ser trazidas a uma posição central na sala – e dar um toque vintage ao décor. 

Não é preciso reformular tudo para deixar seus ambientes da residência com um “ar vintage”. Alguns elementos essenciais já fazem a diferença. Apoie-se nas características e aproveite a criatividade para combinar uma nostalgia agradável e muita elegância!

E qual é a diferença entre decoração vintage e retrô?

Esses dois estilos são tipos de decoração que têm relação com o passado, mas há diferenças entre eles:

  • Vintage: refere-se a itens antigos ou de época, geralmente das décadas de 1920 a 1960. A decoração incorpora elementos autênticos desse período e pode combinar estilos diferentes que marcaram as décadas em questão;
  • Retrô: já o retrô é mais uma reinterpretação desses estilos antigos. É uma reprodução moderna de designs que eram populares em décadas passadas. Ou seja, são peças produzidas atualmente, mas que podem fazer referência ao passado.

Use a decoração vintage no seu empreendimento da Menin!

Com experiência no mercado da Construção Civil desde 1986 e mais de 2.500.000 m² construídos e 60.000 unidades entregues, a Menin tem um portfólio que garante qualidade e bem-estar aos moradores. 

Se você está buscando uma oportunidade de imóvel próprio, confira os empreendimentos da Menín. E, claro, já aproveite para colocar a decoração vintage em prática em uma residência novinha!

Emprendimentos

Assine nossa Newsletter

Ao assinar a newsletter, declaro que conheço a Política de Privacidade e autorizo o envio de notificações por e-mail ou outros meios.

Leia também